INVISTA HOJE NO SEU PPR!

A importância da manutenção do nível de vida após a idade de reforma bem como as incertezas sobre o regime da Segurança Social e mesmo à ameaça de desemprego têm contribuído para um reforço dos produtos de poupança privada. 

Neste novo contexto, ao contrário de outros produtos financeiros, os Planos Poupança Reforma (PPR) revelam-se como uma opção de poupança privada, a médio e longo prazo, desempenhando um papel relevante na constituição de complementos de reforma.

A IM Gestão de Ativos pode ajudá-lo a planear a sua reforma, quer esteja numa fase inicial ou já avançada da sua vida ativa.

Ajuste os seus esforços de poupança, avaliando

1. O património acumulado (rendimento na data de reforma) nomeadamente:

- Reforma da Segurança Social
- Fundo de Pensões da sua empresa
- Os seus complementos individuais de reforma

2. A perspetiva de gastos para manter o seu atual padrão de vida, durante os 20 ou mais anos da sua reforma.

Comece a poupar cedo e de forma regular

O ideal seria iniciar a sua poupança para a reforma assim que entra para o mercado de trabalho, já que quanto mais cedo começar menor será a parcela de rendimento necessária a destinar à reforma. Mesmo que o montante seja pequeno, poupe com regularidade - semanal, mensal ou mesmo anual – e procure aumentar o valor à medida que o tempo passa.

Aproveite a competitividade Fiscal

No caso dos PPR, para além do benefício fiscal de dedução à coleta do IRS, a taxa de tributação dos rendimentos poderá ser de 8% em certas circunstâncias, o que, comparada com uma taxa de tributação de 28% aplicável à generalidade dos produtos de poupança é francamente benéfica. Quando os aforradores optam por receber as suas poupanças na forma de prestações regulares e periódicas, a tributação é reduzida, sendo equiparada à categoria H de IRS, ou seja, às pensões.

Saiba mais sobre as Soluções de Poupança e Reforma da IMGA